28 de out de 2011

NYC Tour

Times Square embaixo de chuva!
Ontem foi o dia do tour por NYC. Depois do tour, quem quiser pode subir no The Top Of The Rock, para ver a cidade pelo observatório. Ambos são pagos, e algumas host families presenteiam a au pair com isso.

Na terça-feira, durante a aula, a professora tinha alguns tickets e disse que algumas au pair reeberiam, porque era uma surpresa da host family. Eu recebi um, e a surpresa era uma cesta com boné, squeeze, post it, tickect para o tour e para o The Top Of The Rock, e um gift card de $10 para refeição.

O dia do tour começou com chuva. Quando acordei, ouvi o barulho. Já era previsto, mas quem quer un tour por NY embaixo de chuva?

Acordamos cedo, tomamos café e fomos para o workshop de comunicação. Depois voltanos para a aula e de repente soou o alarme dr incêndio. Afinal, todo dia é uma emoção diferente!

Evacuamos o local e fomos para outro prédio. Vieram os bonbeiros, constataram que não era nada, e liberaram o prédio. Pois é, aqui é tudo muito rígido e eles prezam pela segurança. Mesmo já sabendo que bão havia fogo, chamaram os bombeiros por uma questão de procedimento.

De volta à aula, a professora, Joen, nos entregou o certificado de cumprimento do treinamento. Para isso, ela colocou o tema de Rocky Balboa para tocar e fez pose pra tirar foto com cada um.

Joen, a professora.

E então, finalmente, fomos para os ônibus, que partiram em direção a NYC.

Chgando lá, a maioria optou por uma volta na balsa que sai de Manhatan e passa em frente à Estátua da Liberdade. Passa bem longe, aliás.

Natalia, Quelita e eu, na balsa.

Assim que voltamos, retornamos ao ônibus e fizemos o tour pelas principais ruas. O guia foi no ônibus, narrando tudo. É bem cansativo e as meninas ficaram loucas. Como vou ficar em una região próxima e sei que retornarei, não me empolguei muito com o tour de ônibus embaixo de chuva.



















Terminado o tour, o ônibus nos deixou na entrada do The Top Of The Rock. Subimos os 67 andares um elevador cujo teto é trabsparente e são projetadas imagens. Achei divertido!

Já lá em cima, não deu nem para ir olhar pelos binóculos porque estava chovendo muito. Além disso, a visibilidade estava péssima também. Eu olhei pelos vidros mesmo e logo desci.

Mas é claro que me perdi e não conseguia encontrar a saída! Com as brasileiras, fui parar no metrô - porque nenhuma delas parou para ler as placas e quando eu disse para onde deveríamos ir, ainda desdenharam -. Voltei por onde eu inaginei ser o certo, de acordo com as placas, e encontrei as colombianas. Estas foram comigo procurar ajuda e depois até próximo à saìda - perguntei a uma segurança e ela me mostrou o caminho.


Apesar de todos os imprevistos, foi um dia bom. Cada dia que passa aqui, percebo que tenho conseguido me comunicar melhor. Falar inglês está sendo mais fácil do que eu esperava! ;)

2 comentários:

  1. Já dá pra ver que em muito pouco tempo você já se divertiu (e se perdeu) horrores, heim? Fico muito contente que esteja ocorrendo tudo bem e que você está aproveitando dia a dia o 'american lifestyle'.

    Ah, e finalmente conheceu 'O Cara', heim? :D

    Felicidades, Aline!

    ResponderExcluir