20 de out de 2011

Última semana no Brasil

Em teoria, a última semana no seu país, antes de começar o ano de Au Pair, deveria ser para você curtir sua casa e sua família. Eu disse: em teoria. Doce ilusão!

Desde o meu último dia de trabalho, 11 de Outubro, não consegui parar um só minuto! Tive só uma semana e meia para ajeitar tudo para a viagem. E como tem coisa pra fazer! Quanto mais se faz, mais aparece.

Comprar mala, decidir o que levar, lavar as roupas que quer levar, comprar presentes, comprar itens pessoas, imprimir a papelada da passagem, assinar rescisão no antigo emprego, organizar documentos, pedir receitas para médicos, decidir o que fazer com a conta bancária, ter dúvidas, ligar, perguntar, ficar louca!

Só sabe o que é tudo isso, quem vive isso!

No dia 14 de Outubro me despedi de poucos bons amigos. Os que estiveram presente são, sem sombra de dúvidas, os mais especiais e mais queridos. Quem não foi e não se deu o trabalho de dizer o porquê ou se desculpar, realmente não merecia estar lá. Sinto muito.

No dia 16 de Outubro me despedi da família. Apesar de alguns imprevistos, e da chuva, foi um dia agradável! Família não precisa de muito pra ser especial. Estar presente, ou querer estar, já é o suficiente para saber o que sentimos uns pelos outros.

Nesta última semana fiquei com o carro dos meus pais à minha disposição, para resolver tudo relativo à viagem. Eu amo dirigir, mas vou confessar que isso me cansou - e muito - nesta semana! Quase todo dia sai cedinho e só voltei depois das 14h. Haja pernas, braços, paciência!

Comprei presentes para a host family e a LCC, comprei itens pessoais, fiz uma Procuração Pública, busquei receita médica, comprei remédios, comprei doces para o picnic do treinamento e também para as crianças, liguei na ANAC para tirar dúvidas sobre a bagagem, imprimi toda a papelada do kit embarque, comprei casaco, lavei algumas roupas que estavam usadas e queria levar. Quase enlouqueci! Quer dizer.. Faltam 3 dias até o embarque, ou seja, ainda dá tempo de enlouquecer! rs

Dica: a Procuração Pública permite que você nomeie uma, ou mais, pessoa com a responsabilidade de responder por você em diversas situações. Emitir segunda via de documentos, receber reembolso, movimentar e encerrar conta bancária, vender e comprar em seu nome, renovar CNH, ou seja, inúmeras tarefas. É necessário requerer a Procuração em cartório e custa aproximadamente R$ 143,00. 

Minha mala está cheia, mas desorganizada. Preciso ainda separar um tempo para organizar tudo dentro dela. Até agora está pesando 14,6Kg e espero chegar, no máximo, em 20Kg. Também ainda preciso separar o que vai na bagagem de mão (levarei uma mochila).

Só de pensar que meu último final de semana no Brasil já está batendo à porta, o coração fica apertado! Tudo é pela última vez, e isso faz a gente pensar bastante no que fomos até então.

Este último final de semana será para se despedir da minha casa. Almoçar comidinha de mamãe, na companhia de papai, irmão e cunhada. Não há nada melhor do que isso! E é uma pena não poder carregar isso comigo a vida toda.

Chega uma hora que é necessário sair do ninho. Por mais que isso vá causar dor, também irá proporcionar um aprendizado imensurável. E quando você tem um objetivo claro e fixo, você consegue contornar as dificuldades e fazer com que elas tornem-se lições que contribuirão com o seu amadurecimento. ;)

Nenhum comentário:

Postar um comentário