12 de jul de 2012

E a homesick, o que é, afinal?

Venho pensando neste assunto há dias. Ainda não consegui identificar se já senti a tal homesick.

Mas o que significa isso, afinal? Qual a tradução?

Homesick pode ser traduzida como "saudade de casa". É sentir falta daquilo que se deixou para trás, depois de algum tempo vivendo longe. Mais do que sentir saudade de casa, é sentir saudade da sua pátria. É querer estar de volta, perto das pessoas que ficaram, quando saímos de casa.

Eu não traduziria somente como saudade, porque a saudade pode ser um sentimento bom. Sabe quando você se lembra de alguma coisa que aconteceu no passado, e isso faz brotar um sorriso tímido no seu rosto? Então, isso é saudade. É bom de se lembrar, faz bem, acalma o coração. Não te deixa com a sensação de querer voltar, de tristeza. Te causa mais alegria que dor. Eu adoro quando lembranças boas vêm à tona. Me deixa com a sensação de que valeu a pena.

Eu diria que homesick está mais para nostalgia que para saudade. Nostalgia também é um tipo de saudade, mas ela causa dor, tristeza profunda. Causa o querer estar de volta, traz à tona a falta de casa, da pátria.

Sentir falta é diferente de sentir saudade.

Eu morro de saudade dos meus pais e do meu irmão, este principalmente, mas não sinto falta deles. Sinto saudade das conversas, mas basta uma hora de Skype para este sentimento ir embora. Eu sinto saudade de chegar em casa e encontrar meu irmão acordado, mas não sinto falta dele fisicamente aqui. Essas lembranças me causam felicidade, me fazem ter a certeza de que se eu só tenho boas recordações, é porque fomos muitos felizes enquanto estivemos perto. E se a saudade agora não me causa dor, então é porque somos capazes de continuarmos sendo felizes juntos, mesmo que distantes.

Por diversas vezes desejei que meu irmão estivesse comigo, mas para mostrar-lhe algum lugar que eu conheci, ou ir a alguma festa. Mas isso ainda não é homesick, porque eu quis que ele estivesse aqui comigo, e não o contrário. Senti falta dos meus pais em datas comemorativas, mas queria que eles estivessem aqui para descobrirem este novo mundo junto comigo. É diferente de sentir falta e querer estar lá. Eu não quis estar lá. Eu quis trazê-los para perto de mim.

Tudo bem, talvez algumas pessoas definam isso como homesick. Eu não. Eu só acho que é saudade.

Só é capaz de sentir a tal homesick quem saiu de casa. O difícil, talvez, seja identificar quando isso acontece.

Sinceramente, acho que ainda não me senti assim. Não me recordo de nenhum momento em que eu realmente senti falta da minha casa, do meu país, de algum momento em que realmente tenha ficado deprimida de saudade. Tenho lembranças, guardo lugares que quero visitar quando voltar, mas ainda não senti a vontade de arrumar a mala e deixar esta nova vida para trás.

Acredito que estar preparada para a mudança me fez enxergar esta vida aqui com outros olhos. O fato de ficar mais um ano não me amedronta. Ser um pouco mais velha que a maioria das meninas também pode ter ajudado. A gente não percebe, mas a maturidade vem com o tempo. Viver aqui faz com que fiquemos mais fortes, suportemos melhor a falta daquilo de deixamos no nosso país.

Mas e se a homesick bater à porta? O que eu faço? Aí eu corro para o mercado brasileiro, faço uma bela compra de tudo o que eu gosto, e combino um Skype com a família. Tenho certeza que vai funcionar! :)

4 comentários:

  1. Reza a lenda que quando a "homesick" não vem é que você tá preparado pra sair de casa e seguir a vida.
    Quando a casa já não é mais o seu lar e passa a ser só "onde você mora". :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cadê o botão de "Like"? hehehe
      Pode ser isso mesmo.. Eu não disse que nunca vou sentir, mas só sei que até agora ela não chegou. Tomara que seja este o motivo! ;)

      Excluir
  2. Gente esse assunto de "homesick" fez-me refletir também. Moro sozinha aqui no Brasil e me preparo para ser au pair ano que vem. Esta noite dormi na casa da minha mãe, no meu antigo quarto,e quando cheguei la ontem a noite senti falta dos meus aproximadamente 100 ursos, fiquei brava, e minha mãe me respondeu: filha, seu quarto agora é na sua casa nova, não fique brava, vc criou asas e agora tem sua vida.
    Lendo isso agora e conhecendo um pouco sobre esse "homesick" achei legal o que eu senti... Senti saudade daquela casa da minha mãe, mas pensei foi ótimo tudo que vivi naquela casa da mamãe, mas hj sou uma mulher e me renovei, meu lar agora é onde eu moro (com Deus, no novo lar). será que homesick é isso sentir saudade, mas não desejar voltar a atras nas suas decisões? Será que é a saudade que anima a seguir? Será que homesick é lembrar com satisfação e continuar feliz?
    Michelly Karolyne

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho que a homesick é aquela vontade de largar tudo e voltar, que dói, que te faz sofrer, que não te deixa continuar. Pelo menos essa é a visão que tenho. Posso estar equivocada, e também posso vir a sentí-la. Por enquanto, tudo caminha bem e acho que já posso dizer que consegui criar um lar aqui pra mim. =)

      Excluir